PUBLICIDADE

Anterior
Próximo

PUBLICIDADE

Anterior
Próximo

Apenas 55% dos guarulhenses adere ao isolamento social

Foto: PMG/Divulgação
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

PUBLICIDADE

Pouco mais da metade dos guarulhenses aderiu ao isolamento social, defendido pelo Ministério da Saúde, como forma de combater o novo coronavírus. De acordo com o diretor do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), Jefferson Oliveira, em entrevista à Rádio Bandeirantes, 55% dos moradores de Guarulhos estão em isolamento social.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

A capital paulista tem 56% dos habitantes em isolamento social, enquanto Campinas registra 55% de aceitação à medida. Os números são preocupantes. Segundo o infectologista David Uip, coordenador do Centro de Contingência ao Coronavírus no Estado de São Paulo, é preciso que 70% da população fique em casa.

Os paulistas têm sido monitorados pelo IPT graças aos sinais de celulares e GPSs. Em entrevista nesta terça-feira (7), no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, Uip afirmou que, se o índice de pessoas em isolamento social não subir, o sistema de saúde pode não suportar o crescimento dos casos graves de coronavírus.

O Brasil registrou 553 mortes por coronavírus. Já Guarulhos confirmou oito mortes, mas investiga outras 45 com suspeita de infecção pelo covid-19. O prefeito Guti (PSD) determinou o fechamento dos comércios não essenciais até 22 de abril, assim como proibiu eventos públicos. Ele decidiu, ontem, limitar o acesso das pessoas aos supermercados.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE